Saiba tudo sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

Conheça tudo sobre o seguro de viagem do cartão de crédito, os detalhes da cobertura desse benefício e como acioná-lo quando preciso.

Saiba tudo sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

O seguro de viagem do cartão de crédito é um serviço muito bem-vindo hoje em dia.

Antes de mais nada, é uma forma de se precaver contra vários tipos de imprevistos.

Na prática, porém, há vários detalhes com que você deve se preocupar, portanto, veja a seguir como funciona esse benefício.

O que é e como funciona o seguro de viagem do cartão de crédito

O que é e como funciona o seguro de viagem do cartão de crédito

Em geral, esse recurso funciona como uma assistência fornecida em viagens por algumas bandeiras.

Ou seja, não é algo que está disponível em todas as operadoras para os usuários. Algumas das que oferecem são:

  • Visa ou Mastercard;
  • E, por fim, a American Express.

As vantagens entregues no seguro de viagem do cartão de crédito costumam variar.

Logo, o que você vai adquirir vai depender da escolha da bandeira do seu plástico.

Na prática, ele não se difere muito de outros seguros de viagem do mercado atual. Porém, é um grande benefício ter essa função já inclusa no uso do cartão.

Não está disponível para todas as pessoas

O acesso ao seguro não é liberado para todos nos dias atuais.

Dessa forma, para poder aproveitar, é preciso estar acima da categoria Platinum.

Vale destacar que é possível usar o benefício em vários tipos de passagens, sejam elas:

  • Aéreas ou de trem;
  • Ou, nesse sentido, até mesmo marítimas.

Essa opção, acima de tudo, pode ser aproveitada pelo titular e por outras pessoas da família.

Assim, tanto seu cônjuge quanto seus filhos (até 24 anos) têm o serviço disponível.

Quais são os custos do seguro de viagem do cartão de crédito

Quais são os custos do seguro de viagem do cartão de crédito

Para começar, não existem gastos adicionais para o seguro de viagem do cartão de crédito.

Entretanto, não dá para dizer que é exatamente um benefício adquirido de modo gratuito.

Isso porque, ele está incluído na anuidade do plástico da operadora.

Além disso, a tarifa aumenta assim como o seguro e a bandeira do recurso.

Algumas das instituições estipulam uma renda de R$ 10 mil para o cliente ter o cartão.

Dessa maneira, a anuidade do objeto passa de R$ 800 reais ao ano.

Logo, não chega a ser realmente uma vantagem adquirida de forma gratuita.

Problemas que o seguro de viagem do cartão de crédito cobre

Saiba tudo sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

Apesar de alguns atributos serem diferentes conforme a operadora, existem alguns detalhes em comum.

Assim, veja a seguir alguns pontos que o seguro de viagem do cartão de crédito pode cobrir:

  1. Bagagem: perda ou extravio;
  2. Possibilidade de cancelar a viagem, atraso ou interrupção;
  3. Algum tipo de emergência médica;
  4. Locação de carros;
  5. Modalidade Schengen de seguro.

1 – Perda ou extravio de bagagem

Perda ou extravio de bagagem

Perder a bagagem é algo bem grave que pode acontecer em uma viagem.

Não apenas isso, como fica difícil de medir o valor dos objetos que desapareceram.

Ainda assim, o seguro ajuda com um reembolso parcial para o titular do cartão.

Entretanto, algumas normas existentes acabam limitando a restituição de certos itens como joias e eletrônicos.

Nesses casos, a empresa costuma estipular um limite de tempo de cobertura dependendo da categoria escolhida.

Como resultado, o cliente pode ter que esperar entre quatro e doze horas para a conclusão.

2 – Possibilidade de cancelar a viagem

Possibilidade de cancelar a viagem

Outra situação que o seguro de viagem do cartão de crédito cobre é o cancelamento.

Nesse sentido, o usuário pode acionar o recurso para evitar algum custo adicional.

É possível realizar essa medida caso:

  • O titular do plástico não tenha condições de viajar;
  • Seu companheiro não conseguir viajar;
  • O parente do contratante venha a sofrer com algum problema de saúde.

Atraso da viagem ou interrupção dela

Esse cenário pode ocorrer por várias razões diferentes e o seguro pode cobrir nestes casos:

  • Problemas com o clima ou falhas mecânicas;
  • Perda de conexão;
  • Greves, ferimentos e algumas outras ocasiões específicas.

3 – Algum tipo de emergência médica

Algum tipo de emergência médica

Não são todos os países que possuem um sistema público de saúde disponível.

Por exemplo, os Estados Unidos é uma dessas nações, tornando as despesas hospitalares mais caras.

Para não pesar tanto no bolso, o seguro de viagem do cartão de crédito pode cobrir.

Portanto, compre as passagens no mesmo plástico para garantir esse benefício para você, seu cônjuge ou seus filhos de até 24 anos.

Ainda assim, é importante lembrar que também são impostos limites de valor máximo para reembolso.

Porém, ainda é melhor do que ir sem algo do tipo em sua viagem.

4 – Locação de carros

Locação de carros

Em caso de você precisar alugar um carro, o seguro cobre roubos ou possíveis danos.

Além disso, é possível dispensar o que a própria locadora oferece para a ação.

Para desfrutar dessa vantagem, basta pagar totalmente o valor da locação com o cartão.

Por fim, há bandeiras que se asseguram de proteger o titular e até mesmo o motorista da companhia.

5 – Modalidade Schengen de seguro

Modalidade Schengen de seguro

Aos que estão visitando a Europa, esse tipo de seguro é obrigatório.

Nesse sentido, o cartão é quem oferece o benefício para cobrir situações como:

  • Despesas médicas, se for preciso;
  • Gastos gerados por repatriação, caso seja necessário.

Na prática, o usuário deve, junto ao banco, solicitar o Certificado de Schengen.

Por fim, não deve esquecer o documento, porque ele será necessário para entrar nos países.

Países que fazem parte do Tratado de Schengen

No campo do turismo, esse tratado possibilita circular de maneira livre entre vários países europeus.

Assim, fazem parte do espaço Schengen 25 nações, sendo elas:

  • Bélgica, República Tcheca e Dinamarca;
  • Alemanha, Estônia e Grécia;
  • Espanha, França e Itália;
  • Letônia, Lituânia e Luxemburgo;
  • Hungria, Malta e Países Baixos;
  • Áustria, Polônia e Portugal;
  • Eslovênia, Eslováquia e Finlândia;
  • Suécia, Islândia e Listenstaine;
  • Noruega e, por fim, Suíça.

Como obter um Certificado Schengen

Como obter um Certificado Schengen

Quem deseja viajar para a Europa, precisa ter esse documento em mãos na viagem.

Assim, conseguir um Certificado Schengen é mais simples do que parece.

Na verdade, o processo é parecido com o de contratar um seguro de viagem internacional.

A princípio, você pode requisitar junto a uma agência de turismo ou pela bandeira do cartão.

O que é preciso para entrar nos países europeus

Para começar, vale destacar que o brasileiro não precisa de visto para entrar no espaço.

Entretanto, essa condição é válida somente para turismo dentro do período de 90 dias. Agora, estes são os documentos que o viajante deve ter em mãos:

  • Passaporte e a passagem de avião com as datas de ida e volta;
  • Documento que comprova a hospedagem;
  • Algo que comprove que a pessoa consegue se manter na viagem a Europa;
  • E, por fim, o próprio Certificado Schengen.

Como saber a disponibilidade do seguro de viagem do cartão de crédito

Como saber a disponibilidade do seguro de viagem do cartão de crédito

Os clientes que possuem níveis mais altos de bandeiras (Black e Platinum) possuem este recurso disponível.

Porém, nada impede que você mesmo possa conferir se pode usar o benefício.

Para fazer isso, basta consultar a própria empresa do cartão e a bandeira dele.

Dessa forma, todas as informações que precisar serão fornecidas sem maiores problemas.

Outra maneira para verificar é ir direto nas páginas das respectivas bandeiras.

Além disso, o site da instituição que emite o plástico também possui uma seção com estes dados.

Conheça as vantagens do seguro de viagem do cartão de crédito

Conheça as vantagens do seguro de viagem do cartão de crédito

Antes de cogitar a contratação do serviço, é preciso conhecê-lo em detalhes.

Nesse sentido, conheça algumas das vantagens que esse recurso oferece para os seus usuários:

  • Não é preciso arcar com custos adicionais para ter o benefício;
  • Substituir o seguro da locadora de carro pelo do cartão;
  • Serviço Concierge para viagens de lazer;
  • Possibilidade de acessar a área VIP dos aeroportos em alguns casos;
  • Facilidade de emitir a apólice do seguro por meios online.

Desvantagens do seguro de viagem do cartão de crédito

Desvantagens do seguro de viagem do cartão de crédito

Como nem tudo é só benefícios, vale destacar algumas das desvantagens, que são:

  • Restrição de usar somente o plano oferecido pelo cartão;
  • Os plásticos mais simples não cobrem totalmente em algumas viagens;
  • Não há cobertura para bagagem com danos ou assistência jurídica;
  • Elementos específicos para atletas ou gestantes não fazem parte do plano;
  • Só é possível adquirir o reembolso depois de voltar ao Brasil.

O que verificar sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

Saiba tudo sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

Para saber se vale a pena aderir ao recurso, é preciso verificar alguns pontos importantes.

Dessa maneira, veja a seguir alguns deles para obter o serviço com segurança.

Quanto o seguro cobre

Em geral, a cobertura aumenta conforme a bandeira do titular do cartão.

Contudo, nem sempre o valor coberto é alto e fica no mínimo de 30 mil euros.

A finalidade da sua viagem

Enquanto faz o seu planejamento, é preciso definir a finalidade da sua viagem.

Por exemplo, se for de negócios requer um tipo de plano de seguro. Agora, se pretende praticar algum esporte, será preciso outro modelo de cobertura.

Questão acessível

Caso a viagem tenha uma gestante ou uma pessoa com necessidades especiais, leve isso em conta.

Sob o mesmo ponto de vista, considere um plano com maior cobertura para idosos.

Limite disponível

Para cobrir os gastos, o seguro de viagem do cartão de crédito funciona como um reembolso.

Então, procure ter um limite mais alto para poder pagar o que for necessário.

O quanto vai durar a viagem

De modo geral, esse recurso é válido sobre os custos ao longo de 30 até 90 dias de viagem.

Portanto, você deve procurar um plano diferente, caso vá viajar por mais tempo do que isso.

A necessidade do seguro de viagem do cartão de crédito

A necessidade do seguro de viagem do cartão de crédito

Em alguns casos, este seguro é algo que os países exigem do viajante.

Contudo, não são todas as nações que cobram isso das pessoas.

Além dos que fazem parte do Tratado de Schengen, as que pedem o recurso são:

  • Austrália e Cuba;
  • E, por fim, a Venezuela.

Vale lembrar, então, que a maioria dos países não obrigam você a ter esse seguro.

Entretanto, não é uma alternativa que pode ser facilmente dispensada pelo usuário nas viagens.

Uso do seguro de viagem do cartão de crédito no Brasil

Uso do seguro de viagem do cartão de crédito no Brasil

Esse tipo de questão pode ser comum para quem deseja viajar pelo Brasil.

Assim como em alguns países, não é obrigatório ter seguro em viagens nacionais.

Ainda assim, essa precaução vai ser útil em casos de emergência, por exemplo.

Mas, talvez não seja preciso se o usuário tiver convênio médico.

Mas, o cliente também deve saber dos detalhes de cobertura desse recurso fora da sua localidade.

O poder de decisão final, de fato, cabe somente ao usuário em sua realidade.

Contudo, se estiver procurando algo para cobrir os gastos além da saúde, vale cogitar o seguro de viagem do cartão de crédito.

Como ativar o seguro

Como ativar o seguro

As operadoras mudam, mas o caminho não.

Portanto, entre em contato com a empresa. Nesse sentido, é possível falar com a central de atendimento pelo telefone.

Inclusive, é possível fazer a ligação mesmo se estiver fora do Brasil.

Bem como, chamadas a cobrar, que também são aceitas pelas instituições bancárias.

Por fim, a disponibilidade para ajuda é de 24h por dia e sete dias por semana.

Veja como emitir a apólice

Aqui as coisas mudam um pouco, mas continuam muito simples de resolver.

Ou seja, basta entrar no site oficial da bandeira do seu cartão. A partir disso, siga os passos com cuidado até conseguir a emissão da apólice.

As diferenças entre o seguro de viagem do cartão de crédito e da assistência de viagem

As diferenças entre o seguro de viagem do cartão de crédito e da assistência de viagem

Quem estiver em dúvida sobre qual adquirir, vale entender as diferenças entre eles.

A princípio, o seguro do cartão possui alguns limites e não pode ser usado em grande número de categorias.

Algo que vale destacar é que o do plástico já vem incluído na anuidade.

Logo, você quebra menos a cabeça na hora de planejar a sua viagem.

O especializado, por sua vez, fornece maior cobertura na maioria dos planos.

Não apenas isso, como garante totalmente alguns produtos e serviços que o cartão só fornece em casos especiais.

Isso não quer dizer que um é melhor ou pior do que o outro.

Afinal, ter o recurso disponível já faz muita diferença para quem for viajar.

Dicas importantes sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

Dicas importantes sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

Em geral, as dicas não são muitas, mas são cruciais sobre esse tópico:

  • Não dependa da sorte;
  • Envie a apólice para alguém próximo.

Não dependa da sorte

Mesmo que não seja obrigatório, o seguro de viagem do cartão de crédito é muito recomendado.

Então, nunca se negue a fazer um pensando em economia, porque pode sair caro depois.

Para não contar só com a sorte, pesquise bem sobre o recurso para acioná-lo.

Dessa forma, terá mais liberdade para viajar com segurança e tranquilidade.

Envie a apólice para alguém próximo

Nunca se sabe quando pode acontecer uma emergência.

Então, mande o documento para alguém próximo, como um familiar de confiança.

A partir disso, essa pessoa terá como acionar o seguro se for necessário.

O que fazer se gastar mais do que o valor da cobertura

O que fazer se gastar mais do que o valor da cobertura

Com um seguro de viagem do cartão de crédito, você depende menos da sorte.

Todavia, ainda é possível acontecer algum imprevisto que te obrigue a gastar além da cobertura.

Nesse caso, as empresas não têm obrigação de cobrir despesas acima do valor estipulado.

Além disso, não há nada na lei que as faça tomar essa atitude.

O ideal, então, é pesquisar ao máximo e tomar cuidado com essas situações.

Em seguida, tente se precaver contratando uma cobertura de maior valor.

Afinal, esse gasto pode ajudar muito no futuro, durante a viagem.

Como resolver problemas com o seguro de viagem do cartão de crédito

Como resolver problemas com o seguro de viagem do cartão de crédito

Em caso de problemas, a primeira coisa a fazer é resolver com a própria empresa.

A princípio, é bom pelo menos tentar, usando os canais de atendimento.

Para tornar a conversa mais ágil, tenha todos os documentos por perto.

Não apenas isso, como também pode fazer uso de plataformas como a do Reclame Aqui.

Outra coisa que é importante manter são os comprovantes de pagamento das suas despesas.

Sobretudo, eles vão ajudar muito se for preciso levar o seu caso à justiça.

Mas, se nem isso resolver, recorra aos órgãos responsáveis

Uma opção mais extrema é a de recorrer às agências que regulam as atividades.

Ou seja, a Superintendência de Seguros Privados e o Conselho Nacional de Seguros Privados.

Esses são os órgãos que você pode contatar para os seguros de empresas nacionais.

Agora, se o serviço vier do exterior, será preciso procurar a instituição referente ao país que estava.

Saiba como escolher o melhor serviço de seguro de viagem

Saiba como escolher o melhor serviço de seguro de viagem

Não há um tipo de seguro de viagem do cartão de crédito que seja perfeito para todos.

Assim, cabe ao usuário analisar com calma as opções e fazer um comparativo entre elas.

O seguro do Mastercard Premium, por exemplo, fornece despesas médicas por acidente até 25 mil dólares.

A bandeira Black, por sua vez, possui uma cobertura nesse aspecto que vai até 150 mil dólares.

As bandeiras da Visa, enquanto isso, oferecem despesas odontológicas e repatriação funerária, se preciso.

Por fim, são opções para diversas necessidades, basta só pesquisar e analisar.

Praticidade e precaução

Saiba tudo sobre o seguro de viagem do cartão de crédito

Ao longo do texto, foi possível ver tudo sobre o seguro de viagem do cartão de crédito.

Ficou claro que a contratação desse serviço é algo muito particular.

Afinal, vai depender do tipo de viagem e vários outros pontos importantes.

O usuário, portanto, deve pesquisar, comparar os detalhes e decidir qual o mais adequado.

A partir disso, basta fazer sua viagem e aproveitá-la da melhor maneira, com segurança e menos dor de cabeça.

Dê sua avaliação ao conteúdo!
Diego Dias
Diego Dias, Natural de Porto Alegre- RS, é um apaixonado por viagens e está sempre a procura das melhores oportunidades. Estudante de Jornalismo é Escritor há 22 anos e especialista em Conteúdo SEO há 5. Está focado em escrever as mais inéditas notícias e promoções.